Segundo informações da Reuters, a Totvs vai incorporar a Bematech em uma transação em dinheiro e ações que atribui um prêmio de mais de 60% sobre o preço das ações da companhia.

Essa união irá ampliar a presença da Totvs no varejo nacional e acrescentará soluções de software e hardware utilizados hoje por estabelecimentos como restaurantes, hotéis e lojas. A aquisição também reforçará a concorrência no mercado de soluções de tecnologia para o varejo ocupado atualmente por empresas como a Linx.

“A Bematech tem conhecimento profundo do varejo e o país tem que passar por uma onda de eficiência e produtividade e a tecnologia é fundamental para essa jornada”, afirmou o presidente da TOTVS, Rodrigo Kede, em entrevista à Reuters.

O executivo citou que o Brasil tem cerca de 4,6 milhões de empresas registradas, das quais 54 por cento estão no varejo, com a grande maioria sendo micro, pequenas e médias empresas.

Segundo Kede, ao ser questionado sobre o ambiente econômico, afirmou que a “digitalização vai continuar existindo e acelerando, é realmente momento de unir esforços para ganhar mercado” Ele comentou também que a Totvs não tem perdido negócios por conta da crise econômica que está afetando o país, mas os que os clientes estão mais hesitantes nas encomendas.

A expectativa é que essa união, onde a Bematech se tornará uma subsidiária integral da Totvs seja concluída até outubro.

Kede e o presidente da Bematech, Cleber Morais, não comentaram expectativas de resultado com a união das duas empresas ou quando os primeiros produtos resultados da operação serão lançados.

Porém, Morais afirmou que os clientes do varejo buscam cada vez mais “soluções completas” de tecnologia, integrando a gestão e a ponta de venda.

Fonte: http://br.reuters.com/article/businessNews/idBRKCN0QJ2E620150814?pageNumber=2&virtualBrandChannel=0&sp=true